Entre concreto, carros e fumaça

Logomarca do 'Itabaiana+verde'. Disponível em: https://www.facebook.com/Itabaianamaisverde/photos/a.254528051412551.1073741827.254526981412658/254528034745886/?type=1&theater
Logomarca do ‘Itabaiana+verde’. Disponível em: https://www.facebook.com/Itabaianamaisverde/photos/a.254528051412551.1073741827.254526981412658/254528034745886/?type=1&theater

Mais uma divulgação de mais um grande projeto que merece destaque por parte de todos que fazem parte do campus de Itabaiana.

A cidade, aliás, é famosa pelo comércio que deixa grandes reflexos nas ruas, como alimentos espalhados, plásticos, entupimento de bueiros. Além da aparente pouca quantidade de árvores. O trânsito caótico e a poluição também são marcas visíveis da cidade serrana  de aproximadamente 100.000 habitantes.

Entre todo esse concreto, carros e fumaça, o projeto intitulado ‘Itabaiana+verde’, organizado por discentes e professores do curso de Ciências Biológicas, do campus de Itabaiana surge como inovação e contraposição a falta do ‘verde’ na citada cidade. Espécies nativas da Mata Atlântica, a exemplo de alguns tipos de ipês são cultivadas na estufa do campus (estufa sem teto) e plantadas em áreas preestabelecidas.

Para se ter uma ideia da importância desse projeto, a Prefeitura da cidade e a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente já promoveram e participaram do plantio de árvores.

10397977_258371241028232_2612638817625926755_n 10991_264309153767774_2336682224904910917_n

Infelizmente, o projeto não recebe a devida atenção, nem da Universidade, nem da população. Todavia, a luta persiste e a cada dia o ‘Itabaiana+verde’ só se engrandece e ‘esverdeia’ a cidade do agreste sergipano.

Entre concreto, carros e fumaça